Zohar Diário # 3292 – Ki Tisa – E YHVH estava muito zangado.

Daily Zohar 3292

Holy Zohar text. Daily Zohar -3292

Tradução para Hebraico:

91. בֹּא וּרְאֵה מַה כָּתוּב, וַיִּקְרָא אַהֲרֹן וַיֹּאמַר חַג לַה’ מָחָר. חַג לַה’, וְלֹא לָעֵגֶל. וּלְצַד הַקְּדֻשָּׁה עָשָׂה, וּלְצַד הַקְּדֻשָּׁה קָרָא וְאָמַר. וְזוֹ הָרְפוּאָה שֶׁהִקְדִּים, שֶׁאִלְמָלֵא עָשָׂה אֶת זֶה, לֹא עָמַד הָעוֹלָם עַל מְקוֹמוֹ, וְעִם כָּל זֶה לֹא שָׁכַךְ רָגְזוֹ מֵאַהֲרֹן, אַף עַל גַּב שֶׁלֹּא הִתְכַּוֵּן לְרַע.
92. אָמַר לוֹ הַקָּדוֹשׁ בָּרוּךְ הוּא, אַהֲרֹן, שְׁנֵי הַמְכַשְּׁפִים הַלָּלוּ מָשְׁכוּ אוֹתְךָ לְמַה שֶּׁרָצוּ, חַיֶּיךָ שֶׁשְּׁנֵי בָנֶיךָ יִפְּלוּ, וְעַל הַחֵטְא הַזֶּה יָמוּתוּ (וּבַחֵטְא הַזֶּה הֵם יִתָּפְסוּ). זֶהוּ שֶׁכָּתוּב (דברים ט) וּבְאַהֲרֹן הִתְאַנַּף ה’ מְאֹד לְהַשְׁמִידוֹ. מַה זֶּה לְהַשְׁמִידוֹ? אֵלּוּ בָּנָיו, כְּמוֹ שֶׁנֶּאֱמַר (עמוס ב) וָאַשְׁמִיד פִּרְיוֹ מִמַּעַל, שֶׁפִּרְיוֹ שֶׁל אָדָם אֵלּוּ הֵם בָּנָיו.
93. בֹּא וּרְאֵה, אַהֲרֹן שָׂם אֶת אוֹתוֹ מִזְבֵּחַ לְפָנָיו, וְהָעֵגֶל שָׁב לַאֲחוֹרָיו. בָּנָיו שָׂמוּ אֶת הַצַּד הָאַחֵר לְפָנָיו, וְצַד הַקְּדֻשָּׁה חָזַר לְאָחוֹר, שֶׁכָּתוּב (ויקרא י) וַיַּקְרִיבוּ לִפְנֵי ה’. לִפְנֵי ה’ שָׂמוּ. נִתְפְּסוּ בַּחֵטְא הַזֶּה.
94. אַהֲרֹן חָשַׁב, שֶׁבֵּינְתַיִם יָבֹא מֹשֶׁה, וְלָכֵן אֶת אוֹתוֹ מִזְבֵּחַ לֹא הָרַס מֹשֶׁה, שֶׁאִלּוּ הָיָה כְּמוֹ שֶׁחוֹשְׁבִים בְּנֵי אָדָם, הַדָּבָר הָרִאשׁוֹן שֶׁהִצְטָרֵךְ מֹשֶׁה – לְנַתֵּץ אֶת אוֹתוֹ מִזְבֵּחַ הָיָה צָרִיךְ, כְּמוֹ שֶׁהִתְנַבֵּא הַנָּבִיא עִדּוֹ עַל הַמִּזְבֵּחַ בְּבֵית אֵל, וּנְבוּאָתוֹ עַל אוֹתוֹ מִזְבֵּחַ הָיְתָה. אֲבָל כָּאן הָיָה דָּבָר אַחֵר כְּמוֹ שֶׁנִּתְבָּאֵר. וְכָתוּב וַיִּקַּח אֶת הָעֵגֶל אֲשֶׁר עָשׂוּ, וְלֹא כָתוּב וַיִּנְתֹּץ אֶת הַמִּזְבֵּחַ.

Comentário de: Zion Nefesh:
Tradução Jorge RamosZohar Ki Tisa

Êxodo 32: 5

“Então, quando Arão viu, ele construiu um altar diante dele. E Arão fez uma proclamação e disse: “Amanhã é um banquete para YHVH”

# 91
Arão construiu o Altar e declarou: “Amanhã é um banquete para YHVH”. Ele não mencionou o Bezerro de Ouro do Erev Rav porque ele conectou o Altar ao lado sagrado e salvou o mundo de desmoronar para o outro lado. Embora Arão não quisesse causar danos e atenuou a situação, D-us ainda estava furioso com ele.

# 92
Deuteronômio 9:20

“E YHVH estava muito zangado com Arão e o teria destruído; então eu orei também por Arão ao mesmo tempo. ”

O Santo Bendito seja Ele disse a Arão que, porque ele permitiu que os dois mágicos o manipulassem, seus dois filhos cairiam por causa desse pecado.

Tirar a vida dos filhos de Arão é o aspecto de “destruí-lo” porque os filhos são considerados os “frutos” da árvore, seu pai. Aprendemos isso em

Amós 2: 9

“No entanto, fui eu quem destruiu os amorreus diante deles, embora a sua altura fosse como a altura dos cedros, e ele fosse forte como os carvalhos; Eu destruí até mesmo sua fruta em cima e sua raiz em baixo.

Os Amorreus são descritos neste verso como cedros e carvalhos e seus filhos como frutos. O verso descreve como D-us destruiu os amorreus e seus filhos.

# 93
O pecado do Bezerro de Ouro foi que o Erev Rav trouxe a força do outro lado para a frente enquanto deveria estar sempre atrás. Arão trouxe de volta o lado Santo para a frente, empurrando o Bezerro de Ouro e sua força para trás.

Os filhos de Arão, Nadav e Avihu, tinham boas intenções quando trouxeram as ofertas para o Santo Tabernáculo, mas não tinham o vaso apropriado nem o tempo adequado para realizar a ação. Por isso, eles trouxeram o outro lado à frente de YHVH.

Levítico 10: 1

“Então Nadabe e Abiú, filhos de Arão, cada um pegou seu incensário e puseram fogo e incenso nele, e ofereceram fogo estranho diante de YHVH, o qual Ele não lhes havia ordenado”.

# 94
O Erev Rav pressionou para criar o seu próprio D-us, porque eles não acreditavam que Moisés desceria da montanha depois de quarenta dias. Arão pensou que enquanto ele mantinha o Erev Rav ocupado com a preparação do Bezerro de Ouro, Moisés viria e resolveria a situação.

Quando Moisés desceu, ele pegou o Bezerro de Ouro e o destruiu. Ele não tocou no altar que Arão construiu porque era sagrado.

Êxodo 32:20

“Então ele tomou o bezerro que eles haviam feito, queimou no fogo e moeu ate se tornar pó; e ele o espalhou na água e fez os filhos de Israel beberem.
Lição:
A ira de D-us é o efeito/julgamento de uma causa criada por uma ação que é uma desconexão da Luz. Arão estava em um alto nível e deveria melhor que ninguém, saber como lidar com os mágos do Erev Rav. Seu altar não foi suficiente para reparar o dano espiritual.

Quando Moisés desceu da montanha e viu o Erev Rav celebrando seu novo deus, as tábuas da Torá se quebraram. Mais tarde, ele foi convidado por D-us para subir novamente e receber uma Torá diferente. A segunda Torá estava em um nível que requeria um processo de Tikun (reparação).

À medida que crescemos espiritualmente, temos uma maior responsabilidade por nossas ações. Nossa percepção e consciência têm um impacto espiritual maior.

Com um vaso maior, podemos receber mais luz e, ao mesmo tempo, podemos causar um julgamento maior fazendo algo errado. A chave é sempre seguir em frente com atos positivos e aceitar qualquer correção que nos seja enviada.

{||}

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *