Zohar Diário # 3284 – O tempo e um lugar para descarregar o peso.

Daily Zohar 3284

Holy Zohar text. Daily Zohar -3284

Tradução para Hebraico:

80. כַּאֲשֶׁר הִגִּיעוּ אֵלָיו, אָמַר רַבִּי שִׁמְעוֹן, בְּמַשָּׂא הַקָּשׁוּר בְּגַבְּךָ אַתָּה בָּא? מִי אַתָּה? אָמַר לוֹ, יְהוּדִי אָנִי. אָמַר, דְּבָרִים חֲדָשִׁים וַדַּאי בְּיוֹם זֶה אֶצְלְךָ. אָמַר לוֹ, לְהֵיכָן הוּא דַּרְכְּךָ? אָמַר לוֹ, דִּירָתִי הָיְתָה בְּאֵלּוּ פּוֹרְשֵׁי הַמִּדְבָּר, שֶׁהָיִיתִי מִשְׁתַּדֵּל בַּתּוֹרָה, וְעַתָּה בָּאתִי לְיִשּׁוּב לָשֶׁבֶת בְּצֵל הַקָּדוֹשׁ בָּרוּךְ הוּא בְּיָמִים אֵלּוּ שֶׁל הַחֹדֶשׁ הַשְּׁבִיעִי הַזֶּה.
81. שָׂמַח רַבִּי שִׁמְעוֹן, אָמַר, נֵשֵׁב, בְּוַדַּאי הַקָּדוֹשׁ בָּרוּךְ הוּא שָׁלַח אוֹתְךָ אֵלֵינוּ. אָמַר לוֹ, חַיֶּיךָ שֶׁנִּשְׁמַע דָּבָר מִפִּיךָ, מֵאֵלּוּ הַדְּבָרִים הַחֲדָשִׁים עַתִּיקִים שֶׁנְּטַעְתֶּם שָׁם בַּמִּדְבָּר מֵחֹדֶשׁ הַשְּׁבִיעִי הַזֶּה, וּמַדּוּעַ נִפְרַדְתֶּם עַתָּה מֵהַמִּדְבָּר לָבֹא לְיִשּׁוּב? אָמַר לוֹ אוֹתוֹ הַזָּקֵן, בִּשְׁאֵלָה זוֹ יָדַעְתִּי שֶׁחָכְמָה אֶצְלְךָ וּדְבָרֶיךָ מַגִּיעִים לִרְקִיעֵי הַחָכְמָה (נוֹטִים לִתְקִיעַת הַחָכְמָה).

Comentário de: Zion Nefesh:
Tradução Jorge RamosZohar Tetzaveh

# 79
O Rabi Shimon e seu filho o Rabi Elazar estavam andando com o Rabi Aba e o Rabi Yossi. No caminho, eles viram uma pessoa idosa segurando na mão de uma criança.

Depois de ver esse ancião, o Rabi Shimon disse ao Rabi Aba, é certo que podemos aprender coisas novas com esse ancião.

# 80
Quando o Rabi Shimon se aproximou desse homem, ele disse: “Vejo que você carrega peso nas costas, quem é você?” “Eu sou judeu”, respondeu o ancião.

O Rabi Shimon continuou perguntando a ele de onde ele era e o ancião respondeu que costumava morar com as pessoas que se retiravam para o deserto, e estudavam a Torá com elas. Agora ele veio para a cidade para estar mais perto do Santo Bendito seja Ele durante os dias do sétimo mês.

# 81
O Rabi Shimon ficou feliz e pediu ao ancião que se sentasse com eles e compartilhasse as palavras da Torá porque ele tinha certeza de que o Santo Bendito seja que Ele o tinha enviado até eles.

O Rabi Shimon então pediu ao ancião que falasse sobre a sabedoria que eles revelaram no deserto no sétimo mês e por que ele escolheu sair do deserto e vir para a cidade.

O ancião disse que, a partir das perguntas do Rabi Shimon, ele podia dizer que a sabedoria do Rabi Shimon era do mais alto nível.
Lição:
Os ensinamentos do ancião continuam nos estudos a seguir e, a partir desses parágrafos do Zohar, podemos aprender algumas coisas importantes.

O Rabi Ashlag explica que o ancião é o aspecto da Luz interior e a criança é o vaso que revela essa luz.

O Rabi Shimon viu que, ao perguntar “Quem é você”, o ancião respondeu que ele é judeu. Não é uma resposta comum para essa pergunta, mas o ancião entendeu que o Rabi Shimon queria conhecer sua alma e foi por isso que respondeu breve “sou judeu” para dizer que sua alma está conectada à Torá.

O deserto é o lugar do outro lado e o ‘peso’ que o ancião estava carregando é o aspecto da negatividade que pode ser limpa em Rosh Hashaná e Yom Kipur, no sétimo mês.

Estar sozinho é o aspecto de morar no deserto, onde o lado negativo pode ter uma influência mais forte sobre nós. Quando nós estamos com outras pessoas conectadas à Torá, criamos uma força mais forte contra o outro lado, especialmente quando oramos juntos em Rosh Hashaná e Yom Kipur.

{||}

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *