Zohar Diário # 3282 – Tetzaveh – Os dois tipos de pão para a saúde e proteção.

Daily Zohar 3282

Holy Zohar text. Daily Zohar -3282

Tradução para Hebraico:

74. אֶלָּא, לְמֶלֶךְ שֶׁהָיָה לוֹ בֵּן יְחִידִי, וְנֶחֱלָה. יוֹם אֶחָד הָיָה מִתְאַוֶּה לֶאֱכֹל. אָמְרוּ, יֹאכַל בֶּן הַמֶּלֶךְ (מַאֲכָל שֶׁל רְפוּאָה) רְפוּאָה זוֹ, וְעַד שֶׁיֹּאכַל אוֹתָהּ, לֹא יִמָּצֵא מַאֲכָל וּמָזוֹן אַחֵר בַּבַּיִת. עָשׂוּ כֵן. כֵּיוָן שֶׁאָכַל הָרְפוּאָה הַהִיא, אָמַר, מִכָּאן וָהָלְאָה יֹאכַל כָּל מַה שֶּׁהוּא מִתְאַוֶּה וְלֹא יָכוֹל לְהַזִּיק לוֹ.
75. כָּךְ כַּאֲשֶׁר יָצְאוּ יִשְׂרָאֵל מִמִּצְרַיִם, לֹא הָיוּ יוֹדְעִים עִקָּר וְסוֹד שֶׁל הָאֱמוּנָה. אָמַר הַקָּדוֹשׁ בָּרוּךְ הוּא: יִטְעֲמוּ יִשְׂרָאֵל רְפוּאָה, וְעַד שֶׁיֹּאכְלוּ רְפוּאָה זוֹ, לֹא יֵרָאֶה לָהֶם מַאֲכָל אַחֵר. כֵּיוָן שֶׁאָכְלוּ מַצָּה, שֶׁהִיא רְפוּאָה לַעֲלוֹת וְלָדַעַת בְּסוֹד הָאֱמוּנָה, אָמַר הַקָּדוֹשׁ בָּרוּךְ הוּא: מִכָּאן וָהָלְאָה רָאוּי לָהֶם חָמֵץ וְיֹאכְלוּ אוֹתוֹ, שֶׁהֲרֵי אֵינוֹ יָכוֹל לְהַזִּיק לָהֶם. וְכָל שֶׁכֵּן שֶׁבְּיוֹם הַשָּׁבוּעוֹת שֶׁנִּמְצָא לֶחֶם עֶלְיוֹן, שֶׁהוּא רְפוּאָה לַכֹּל.
76. וְעַל זֶה מַקְרִיבִים חָמֵץ לְהִשָּׂרֵף עַל הַמִּזְבֵּחַ. וּמַקְרִיבִים שְׁתֵּי לֶחֶם אֲחֵרִים כְּאֶחָד. וְחָמֵץ נִשְׂרָף בְּאֵשׁ הַמִּזְבֵּחַ, וְלֹא יָכוֹל לִשְׁלֹט וּלְהַזִּיק לָהֶם לְיִשְׂרָאֵל. וּמִשּׁוּם זֶה יִשְׂרָאֵל קְדוֹשִׁים נִדְבָּקִים בּוֹ בְּהַקָּדוֹשׁ בָּרוּךְ הוּא, בָּרְפוּאָה שֶׁל הַתּוֹרָה בְּיוֹם זֶה. וְאִם הָיוּ שׁוֹמְרִים יִשְׂרָאֵל שְׁנֵי צְדָדִים שֶׁל לֶחֶם אֵלּוּ, לֹא הָיוּ עוֹלִים בְּדִין לְעוֹלָם.

Comentário de: Zion Nefesh:
Tradução Jorge RamosZohar Tetzaveh

Continuação do estudo do ZD 2968;

# 74
Os Israelitas tiveram dois tipos de pão depois de sair do Egito, em sua jornada para a Terra Prometida. No começo, eles foram instruídos a comer o pão sem fermento,a Matzah. Que tem o aspecto de Malchut, mas sem o desejo para si proprio. O segundo ‘pão’ foi o Maná que veio do céu, com o aspecto de Zeir Anpin.

Para explicar por que foi assim, o Zohar faz analogia a um rei que tinha apenas um filho. Um dia, o filho teve vontade de comer, mas eles queriam que ele comesse somente alimento especial com propriedades curativas. Eles removeram todos os outros alimentos da casa, para que ele comesse somente os alimentos que curam. Depois disso, ele poderia comer o que quisesse sem qualquer efeitos negativos sobre ele.

# 75
Quando os israelitas saíram do Egito, eles não tinham consciência da essência e dos segredos da fé. O Santo Bendito seja Ele impediu que eles comessem qualquer outro alimento, exceto o alimento de cura que é a Matzah. Após a conexão com a Matzah com fé nele e nos aspectos curativos da Matzah, eles poderiam comer o pão fermentado e isso não os traria nenhum tipo de problema. No feriado de Shavuot, eles têm uma conexão com o pão dos níveis mais altos que traz o remédio para todos.

# 76
Levítico 23:18

“E oferecerás com o pão sete cordeiros do primeiro ano, sem defeito, um novilho e dois carneiros. Serão como holocausto a YHVH, com a sua oferta de cereais e as suas ofertas de bebidas, uma oferta feita pelo fogo, em aroma suave a YHVH. ”

Em Shavuot, a Torá ordena trazer dois pães de oferendas de pão fermentado ao sacerdote e adicionar sete cordeiros. Quando o pão fermentado é queimado no altar, ele remove o controle do lado maligno de Israel. Ele ajuda os Israelitas a se prenderem ao Santo Bendito seja Ele e a se conectar ao aspecto curador da Torá. Se os israelitas mantivessem os aspectos desses dois tipos de pão, eles nunca experimentariam julgamento.
Lição:
O “apetite” da liberdade é grande e Deus queria que restringíssemos o desejo para si comendo Matzah. Essas desconexões da inclinação do mal criaram um espaço puro nos Israelitas para receberem a Luz. Eles foram ordenados a comer Matzah por sete dias para ter pelo menos um Shabat durante esse processo e se elevarem para receber a Luz de Binah.

Antes dos sete dias de Pessach, queimamos o Chametz, que é o aspecto da inclinação do mal em nós e comemos a Matzah, que durante esses dias se torna um canal de saúde para nós.
Em Shavuot, recebemos a Torá e a oferta e queima do pão fermentado nos abre uma mudança mais ampla na Luz da Torá, Zeir Anpin.

Se queimarmos nosso ‘Chametz’ e nos abrirmos para a Torá, ficamos livres do controle do lado mau.

{||}

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *