Zohar Diário # 3872 – Ki Tisa – Quando o pecado de muitos fere os justos.

Daily Zohar 3872

Holy Zohar text. Daily Zohar -3872

Tradução para Hebraico:

115. וּבֹא רְאֵה, כְּשֶׁדָּן הַקָּדוֹשׁ בָּרוּךְ הוּא אֶת הָעוֹלָם, לֹא דָן אוֹתוֹ אֶלָּא לְפִי רֹב בְּנֵי הָאָדָם. וּבֹא רְאֵה, כְּשֶׁחָטָא אָדָם בָּעֵץ שֶׁאָכַל מִמֶּנּוּ, גָּרַם לְאוֹתוֹ עֵץ שֶׁשּׁוֹרֶה בּוֹ הַמָּוֶת לְכָל הָעוֹלָם, וְגָרַם פְּגָם לְהַפְרִיד אִשָּׁה מִבַּעְלָהּ, וְעָמַד הַחֵטְא שֶׁל הַפְּגָם הַזֶּה בַּלְּבָנָה עַד שֶׁעָמְדוּ יִשְׂרָאֵל בְּהַר סִינַי. כֵּיוָן שֶׁעָמְדוּ יִשְׂרָאֵל בְּהַר סִינַי, הָעֳבַר אוֹתוֹ הַפְּגָם שֶׁל הַלְּבָנָה וְעָמַד לְהָאִיר תָּמִיד. כֵּיוָן שֶׁחָטְאוּ יִשְׂרָאֵל בָּעֵגֶל, שָׁבָה הַלְּבָנָה כְּמִקֹּדֶם לִפְגָמָהּ, וְשָׁלַט הַנָּחָשׁ הָרָע, וְאָחַז בָּהּ וּמָשַׁךְ אוֹתָהּ אֵלָיו וְנִפְגְּמָה.
116. וּכְשֶׁיָּדַע מֹשֶׁה שֶׁחָטְאוּ יִשְׂרָאֵל וְהָעָבְרוּ מֵהֶם אוֹתָם כְּלֵי זַיִן הַקְּדוֹשִׁים, יָדַע וַדַּאי שֶׁהֲרֵי הַנָּחָשׁ אָחַז בַּלְּבָנָה לִמְשֹׁךְ אוֹתָהּ אֵלָיו וְנִפְגְּמָה. אָז הוֹצִיא אוֹתָהּ בַּחוּץ. וְכֵיוָן שֶׁעָמְדָה לְהִפָּגֵם, אַף עַל גַּב שֶׁיְּהוֹשֻׁעַ עוֹמֵד בַּעֲטֶרֶת כְּלֵי הַזַּיִן שֶׁלָּהּ, כֵּיוָן שֶׁהַפְּגָם שׁוֹרֶה בָּהּ וְחָזְרָה לִכְמוֹ שֶׁנִּפְגְּמָה בְּחֶטְאוֹ שֶׁל אָדָם, לֹא יָכוֹל אָדָם לְהִתְקַיֵּם, פְּרָט לְמֹשֶׁה שֶׁשָּׁלַט בָּהּ, וּמוֹתוֹ הָיָה בְּצַד אַחֵר. וְעַל זֶה לֹא הָיָה בָּהּ רְשׁוּת לְקַיֵּם אֶת יְהוֹשֻׁעַ תָּמִיד וְלֹא מִישֶׁהוּ אַחֵר. וְעַל כֵּן קוֹרֵא לָהּ אֹהֶל מוֹעֵד, שֶׁהֲרֵי שׁוֹרֶה בָּהּ זְמַן קָצוּב לְכָל הָעוֹלָם.

Comentário de: Zion Nefesh:
Tradução Jorge RamosZohar Ki Tisa

Continuação da DZ anterior

#115
Quando o Santo Bendito seja Ele, julga o mundo, ele o faz de acordo com a maioria das pessoas. O pecado de Adão conectou o mundo à Árvore do Conhecimento, do Bem e do Mal. Esta conexão trouxe a morte para Malchut e uma separação entre a mulher e seu marido, que é a separação entre Zeir Anpin e Malchut.

Este pecado causou uma falha na lua que faz referência a Malchut, e vigorou até que Israel chegou ao Monte Sinai, pronto para receber a Torá. Naquela época, a falha na lua foi removida, significando que a morte e a separação forçadas pela conexão com a Árvore do Conhecimento não estavam mais em vigor. A lua estava em um estado de luz contínua.
Por causa do pecado do Bezerro de Ouro, a falha na lua foi restaurada, e a Serpente poderia então ter novamente o controle. Israel perdeu a Luz da imortalidade novamente.

Lição:
A presença da Torá no Monte Sinai remove a escuridão dos filhos de Israel. Quando eles se conectaram ao Bezerro de Ouro, foi semelhante a Adão e Eva se conectarem à Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal que trouxe mortalidade sobre eles e todas as gerações que os seguiram.

A Torá tem a força da vida que nós podemos ativar. Por essa razão, grandes pessoas justas, como Rabi Shimon e outros Tanaim, podiam ter o controle sobre a natureza e ressuscitar os mortos.

#116
Moisés sabia que quando Israel fez o Bezerro de Ouro, a marca de santidade que eles receberam no Monte Sinai foi removida deles. Essa situação permitiu que a Serpente controlasse a lua defeituosa, Malchut. Para proteger o povo, Moisés moveu o Santo Tabernáculo para fora e para longe do acampamento de Israel e o chamou de “אוהל מועד” “tenda de reunião”.

A palavra “מועד” pode significar “um tempo conhecido” “feriado” “dia do evento”, e pode significar um tempo de reunião, pois o nome alternativo para o Santo Tabernáculo é comumente traduzido como “tenda da reunião”. Fora do acampamento, o Santo Tabernáculo representava um tempo limitado de vida e não um fluxo contínuo de Luz.

Êxodo 33:7
“Moisés pegou sua tenda e a armou fora do acampamento, longe do acampamento, e a chamou de tabernáculo da reunião. E aconteceu que todos os que buscavam a YHVH vinham à tenda da congregação, que estava fora do arraial”.

Josué tinha a marca da Santidade, mas como Malchut era falho e voltou ao estado após o pecado de Adão, Josué também perdeu o seu estado de imortalidade. O pecado de muitos impactou a todos.

Moisés era casado com a Shechiná; ele estava acima de Malchut e podia manter o estado de imortalidade. A morte de Moisés não foi tratada pelas pessoas deste mundo, mas pela palavra de Hashem.

Deuteronômio 34:5
“וַיָּמָת שָׁם מֹשֶׁה עֶבֶד יְהוָה בְּאֶרֶץ מוֹאָב עַל פִּי יְהוָה.”
“וַיִּקְבֹּר אֹתוֹ בַגַּיְ בְּאֶרֶץ מוֹאָב מוּל בֵּית פְּעוֹר וְלֹא יָדַע אִישׁ אֶת קְבֻרָתוֹ עַד הַיּוֹם הַזֶּה.”
“Assim, Moisés, servo de YHVH, morreu ali na terra de Moab, conforme a palavra de YHVH”.
“E o sepultou num vale na terra de Moabe, defronte de Bete-Peor; e ninguém conhece ate hoje o local de sua sepultura.”

Lição:
Moisés não tem um estado normal de morte, e Hashem o enterrou onde ninguém poderia alcançar, ou seja, em um lugar espiritual. A alma de Moisés aparece em cada geração para ter uma presença contínua neste mundo, aguardando o momento em que a geração tenha méritos para ver o Mashiach.

Enquanto muitos Tzadikim tiveram a revelação do profeta Elias, O Rabi Shimon estava em um alto nível espiritual e podia ter discursos com Moisés e Elias durante os seus estudos profundos de Torá.

O Rabi Shimon, Moisés e Elias estão no Zohar. Nós podemos receber bênçãos contínuas quando estudamos o Zohar.

{||}

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *